sábado, 31 de dezembro de 2011

Que 2012 venha repleto de realizações!!

Núncio no Brasil: "Juventude é centro das atenções da Igreja"

O pontificado de Bento XVI é marcado pela fé e por sua capacidade de anunciar com clareza, nos tempos de hoje, a palavra de Deus e Cristo Jesus na história. É isso que indica o Núncio Apostólico no Brasil, dom Lorenzo Baldisseri, segundo o qual, a juventude estará cada vez mais no centro das atenções da Igreja no mundo.“
A mensagem do Papa para o Dia Mundial da Paz 2012 (1º de janeiro) tem como tema 'Educar os jovens para a justiça e a paz', e os jovens levarão essa mensagem durante todo o ano. Nesse sentido, o Brasil se sente particularmente estimulado desde que os jovens receberam, em agosto passado, a Cruz e o Ícone de Nossa Senhora para preparar a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) no Brasil, no Rio de Janeiro, em julho de 2013” – afirma, entrevistado pela Canção Nova.
A experiência dos mais de 2 milhões de jovens reunidos para a JMJ 2011 em Madri foi um sinal claro e uma garantia de que os jovens são o futuro da sociedade e da Igreja.
“Este ano, então, será dedicado a eles. Educar os jovens para a justiça e a paz significa que estes jovens levarão a todo o Brasil, a toda a parte, a mensagem da Cruz de Cristo, que é sinal de paz, apesar de todas as dificuldades que os cristãos hoje enfrentam em várias partes do mundo. A cruz não é sinal de morte e de tristeza, mas de triunfo. Através desta mensagem, podemos chegar à felicidade. E isso os jovens compreendem bem, pois têm facilidade para sonhar, ter grandes ideais, e são aqueles que efetivamente levam adiante a humanidade” - destaca dom Lorenzo.
A JMJ foi destaque no discurso em que o Santo Padre apresentou os votos de Feliz Natal à Cúria Romana e fez um balanço da atividade da Igreja ao longo deste ano.
Além disso, Bento XVI cumpriu uma série de viagens internacionais: Croácia, Madri, Alemanha e Benin. Na Itália, esteve em Veneza, San Marino, Ancona e Calábria. E convocou o Ano da Fé, que começa em outubro de 2012 e segue até outubro de 2013.

Fonte: CNBB 

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Natal em contagem regressiva para o Bote Fé



No próximo dia 10 de janeiro começa a peregrinação da Cruz e do Ícone de Nossa Senhora, símbolos da preparação para a Jornada Mundial da Juventude em 2013, pelas dioceses do regional Nordeste 2, composto pelos estados do Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba e Alagoas. Destaque para a gravação de um DVD com 25 artistas católicos na "Arena Bote Fé", no dia 10 de fevereiro, durante a passagem dos símbolos pela cidade de Natal (RN). O evento, promovido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - CNBB, Arquidiocese de Natal e Sony Music, terá a participação de Padre Zezinho, Padre Fábio de Melo, Padre Reginaldo Manzoti, entre outros. As Bandas Rosa de Saron e Adoração e Vida, indicadas para o Gramy Latino 2011, também estarão na gravação. A cruz e o ícone de Nossa Senhora percorrem as dioceses brasileiras desde o dia 18 de setembro de 2011. Em 2012, elas continuarão suas peregrinação por todo o território nacional até o mês de dezembro, quando serão levadas para os países do Cone Sul (Paraguai, Uruguai, Chile e Argentina), retornando ao Brasil em janeiro de 2013 para concluir o itinerário do Brasil. A etapa final acontecerá no Sul de Minas, no Vale do Paraíba (SP) e, finalmente, no estado do Rio de Janeiro, onde os símbolos deverão chegar em abril de 2013.


* Fonte: JMJ Rio 2013

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

3ª Vigília dos Jovens Adoradores!

Um pouco da JMJ em Madri

Em 8 de novembro de 2009 houve a tradicional vigília para jovens em Nossa Senhora de Almudena, padroeira de Madri, onde pela primeira vez um grupo de voluntários da JMJ Madri 2011 entrou em ação. Os 50 voluntários presentes estavam distribuídos entre os jovens diocesanos de Madri, Cruzada de Santa Maria, Reparadores da Nossa Senhora das Dores, Totus Tuus e outros movimentos que colaboraram com a organização da Vigília na Catedral de Madri.

Além de ser a festa da padroeira de Madri, os jovens tiveram outro grande motivo para participar da vigília de Almudena, já que a cruz e a ícone da virgem, símbolos da Jornada Mundial da Juventude também estava presente.
Mas a cerimônia não termina com a emocionante vigília. Os voluntários ainda caminharam pelas ruas de Madri em procissão, munidos de velas os jovens conduziram a cruz e a ícone da JMJ até o Seminário Diocesano de Madri.

“Além da livre colaboração dos voluntários, tais atos são muito bem vistos pela organização e coordenação do voluntariado tendo em vista a outros eventos de maior proporção na JMJ” diz um dos responsáveis pela vigília de Almudena.
Por outro lado, estas ocasiões também proporcionam um contato, mas direto dos voluntários entre si e com seus responsáveis, algo imprescindível para o bom funcionamento do voluntariado da JMJ.

*Fonte Revista PDF do voluntariado JMJ Madri.

Rio: Chegou a nossa vez...

Foi a partir desta iniciativa da vigília em Madri que a COL (Comitê de Organização Local) junto com o Setor juventude estão promovendo toda segunda sexta-feira do mês a Vigília dos Jovens Adoradores, na Igreja de Sant’Ana, no Centro, do Rio de Janeiro, próximo a estação do metrô da Central.

A ideia é preparar os jovens espiritualmente para a JMJ, promover um contato direto com a igreja e uma cordialidade entre os próprios jovens entre si, mobilizando-os para que estes possam motivar a outros jovens para o grande momento de encontro do Papa Bento XVI com a juventude em 2013.

A próxima vigília está marcada para o dia 13 de janeiro, tendo início às 22 horas. Além da atração principal: Jesus Sacramentado, a celebração eucarística será precedida por Dom Orani João Tempesta, bispo Metropolitano do Rio de Janeiro, já a animação ficará por conta da Banda Frutos de Medjugorje. Pode-se esperar ainda um momento de aprofundamento conduzido pela Comunidade Pequeno Rebanho, confissões e muito mais. Tenha certeza de que alegria e acolhimento não te irão faltar.
Reúna-se com sua galera e venha curtir este momento de adoração e louvor na presença do Senhor!

* Fonte: Aline Barsan

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Símbolos da JMJ Em Serrinha



Hoje é a vez da Diocese de Serrinha, na Bahia, acolher a cruz peregrina e o ícone de Nossa Senhora, símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) que percorrem o país em preparação para o grande encontro do papa Bento XVI com os jovens do mundo inteiro na cidade do Rio de Janeiro em 2013. Desde o dia 1º de dezembro que os símbolos percorrem as dioceses do Regional Nordeste 3 da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), composto pelos estados da Bahia e Sergipe. A cruz e o ícone devem permanecer em solo baiano até o dia 3 de janeiro, onde passarão ainda pelas dioceses de Bonfim (dia 30), Juazeiro (dia 31) e Paulo Afonso (1º de janeiro). Depois, eles serão levados para Sergipe, onde ficarão até o dia 8 de janeiro, encerrando assim a passagem pelo Regional.


Fonte: JMJ Rio 2013

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

As armas da Caridade

Dos sermões de São Fulgêncio de Ruspe, bispo (Séc. VI) sobre a festa de São Estevão, o primeiro Martir
Ontem, celebrávamos o nascimento temporal de nosso Rei eterno;  hoje celebramos o martírio triunfal do seu soldado.
Ontem o nosso Rei, revestido de nossa carne e saindo da morada de um seio virginal, dignou-se visitar o mundo; hoje o soldado, deixando a tenda de seu corpo, parte vitorioso para o céu.
O nosso Rei, o Altíssimo, veio por nós na humildade, mas não pôde vir de mãos vazias. Trouxe para seus soldados um grande dom, que não apenas os enriqueceu imensamente, mas deu-lhes uma força invencível no combate: trouxe o dom da caridade que leva os homens à comunhão com Deus.
Ao repartir tão liberalmente o que trouxera, nem por isso ficou mais pobre:  enriquecendo do modo admirável a pobreza dos seus fiéis, ele conservou a plenitude dos seus tesouros inesgotáveis.
Assim, a caridade que fez Cristo descer do céu à terra, elevou Estevão da terra ao céu. A caridade de que o Rei dera o exemplo logo refulgiu no soldado.
Estêvão, para alcançar a coroa que seu nome significa, tinha por arma a caridade e com ela vencia em toda parte. Por amor a Deus não recuou perante a hostilidade dos judeus, por amor ao próximo intercedeu por aqueles que o apedrejavam. Por esta caridade, repreendia os que estavam no  erro para que se emendassem, por caridade orava pelos que o apedrejavam para que não fossem punidos.
Santo Estevão
Fortificado pela caridade, venceu Saulo, enfurecido e cruel, e mereceu ter como companheiro no céu aquele que tivera como perseguidor na terra.  Sua santa e incansável caridade queria conquistar pela oração, a quem não pudera converter pelas admoestações.
E agora Paulo se alegra com Estêvão, com Estêvão frui da glória de Cristo, com Estêvão exulta, com Estêvão reina. Aonde Estêvão chegou primeiro, martirizado pelas pedras de Paulo,  chegou depois Paulo, ajudado pelas orações de Estevão.
É esta a verdadeira vida, meus irmãos, em que Paulo não se envergonha mais da morte de Estêvão, mas Estevão se alegra pela companhia de Paulo, porque em ambos triunfa a caridade. Em Estêvão, a caridade venceu a crueldade dos perseguidores, em Paulo, cobriu uma multidão de pecados; em ambos, a caridade mereceu a posse do reino dos céus.
A caridade é a fonte e origem de todos os bens, é a mais poderosa defesa, o caminho que conduz ao céu.  Quem caminha na caridade não pode errar nem temer.  Ela dirige, protege, leva a bom termo.
Portanto, meus irmãos, já que o Cristo nos deu a escada da caridade pela qual todo cristão pode subir ao céu, conservai fielmente a caridade verdadeira, exercitai-a uns para com os outros e, subindo por ela, progredi  sempre mais no caminho da perfeição.

Fonte: Liturgia das Horas

Dom Orani celebra missa de Natal na Rocinha


O Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, celebrou neste sábado, 24, a Missa de Natal na maior favela do Brasil: a Rocinha, no Rio de Janeiro.

- A celebração do Natal não pode ser superficial, mas deve ser um cumprimento das promessas do Senhor. O cristão é uma pessoa de esperança, porque acredita que Cristo nasceu para vencer a morte, e salvar a todos, disse o Arcebispo durante a celebração eucarística, realizada na manhã deste sábado, 24 de dezembro.

Aos fiéis que lotaram a pequena igreja dedicada a Nossa Senhora da Boa Viagem, Dom Orani lembrou que o Natal não pode ser pautado pelo consumismo, mas que deve ser atualizado de forma permanente, levando em conta as novas situações e a busca por caminhos de paz, fraternidade e de justiça social.

- Neste Natal, somos convidados a ser portadores da esperança, deixando transparecer no mundo, através de nossas atitudes, a presença de Deus. Experimentar as promessas de Deus e acolher o Senhor que vem significa construir um mundo novo, a civilização do amor, lembrou o Arcebispo.

Com a presença de vários meios de comunicação da cidade e da Arquidiocese, e até transmitida ao vivo para todo o Brasil através do Rio Celebra, a Missa contou com a presença do Pároco, frei James Girardi e do Padre Marcos Antônio Corrêa Duarte, da vizinha Paróquia de São Conrado.

A celebração foi marcada por gestos de paz. Sob o altar, um painel branco, com uma pomba, e as palavras “paz” e “bem”. Os cantos litúrgicos foram acompanhados pelos fiéis, acenando com bandeiras brancas. No final, três crianças apresentaram um cartaz com mensagens de paz.

Foi a primeira vez que Dom Orani celebrou na Rocinha depois da ocupação do território pelo Estado, mas neste ano de 2011 ele esteve na paróquia em duas ocasiões: em janeiro, na Trezena de São Sebastião, e em setembro, na peregrinação da imagem de Nossa Senhora de Nazaré.

Na homilia, o Arcebispo destacou os novos tempos da Rocinha em processo de pacificação, mas lembrou que a Igreja está presente no bairro há 80 anos. Disse que é um momento especial e que deve ser aproveitado para que o Evangelho chegue a todas as pessoas.

- São tempos diferentes, com novas situações. Somos chamados a viver nossa identidade enquanto seguidores de Cristo. Devemos trilhar pelos caminhos da fraternidade, indo ao encontro das pessoas, na certeza de ver no outro o próprio Cristo, concluiu.

A primeira missa na Rocinha foi celebrada no dia 18 de maio de 1930. Em 1937, teve inicio a construção de uma pequena capela e uma escola, sob os cuidados dos padres franciscanos. Em 1985, foi criada a Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem, sendo dirigida por mais de 20 anos pelo Monsenhor Manoel de Oliveira Manangão, até que, em 2007, foi confiada novamente aos franciscanos da Província Imaculada Conceição do Brasil.

Texto e Foto: Carlos Moioli
Fonte: http://www.arquidiocese.org.br/

domingo, 25 de dezembro de 2011

O Menino nascido na gruta de Belém é nossa salvação, diz Papa

Kelen Galvan
Da Redação

  "Feliz Natal para todos, e que a Luz de Cristo Salvador ilumine os vossos corações de paz e de esperança!" Esta foi a saudação que o Papa Bento XVI dirigiu aos fiéis de língua portuguesa, neste domingo, 25, antecedendo a tradicional benção Urbi et Orbi (à cidade de Roma e ao mundo). O Santo Padre expressou seus bons votos de Natal em 65 idiomas.

Pouco antes das saudações, o Papa deixou aos fiéis sua mensagem de Natal e ressaltou que o anúncio do nascimento de Jesus é o "eco" que a Igreja Católica faz ressoar por todos os continentes, pois o "Filho da Virgem Maria nasceu para todos; é o Salvador de todos".

"Vinde salvar-nos! Tal é o grito do homem de todo e qualquer tempo que, sozinho, se sente incapaz de superar dificuldades e perigos", recordou Bento XVI. O homem precisa colocar sua mão numa "mão maior e mais forte", e esta "mão é Cristo", explica o Papa. "Ele é a mão que Deus estendeu à humanidade, para fazê-la sair das areias movediças do pecado e segurá-la de pé sobre a rocha, a rocha firme da sua Verdade e do seu Amor".

Este é o significado do nome Jesus: Salvador. O Santo Padre afirmou que Cristo foi enviado por Deus Pai para salvar a humanidade do mal mais profundo: "o mal que é a separação de Deus, o orgulho presunçoso do homem fazer como lhe apetece, de fazer concorrência a Deus e substituir-se a Ele, de decidir o que é bem e o que é mal, de ser o senhor da vida e da morte".

Segundo o Papa, este é o grande pecado, do qual os homens não podem salvar-se senão pedindo a ajuda de Deus e o fato de elevar este pedido ao Céu coloca o ser humano na verdade sobre ele mesmo, sobre o que ele é. "Nós somos aqueles que gritaram por Deus e foram salvos (...)  Levantar os olhos para o Céu, estender as mãos e implorar ajuda é o caminho de saída, contanto que haja Alguém que escute e possa vir em nosso socorro. Jesus Cristo é a prova de que Deus escutou o nosso grito", ressaltou.

O nascimento de Jesus é uma prova de que Deus nutre um amor tão forte pelo homem que não pôde permanecer em Si mesmo, mas veio ao mundo partilhar da condição humana. "A resposta que Deus deu, em Cristo, ao grito do homem, supera infinitamente as nossas expectativas, chegando a uma solidariedade tal que não pode ser simplesmente humana, mas divina. Só o Deus que é amor e o amor que é Deus podia escolher salvar-nos através deste caminho, que é certamente o mais longo, mas é aquele que respeita a verdade d’Ele e nossa: o caminho da reconciliação, do diálogo e da colaboração", explicou.

O Papa convidou a todos os fiéis para se dirigirem ao Menino Jesus, neste Natal, com a súplica: "Vinde salvar-nos", recordando tantas pessoas que vivem em situações difíceis, sendo voz de quem não tem. E recordou os povos do nordeste da África - que padecem de fome, e as populações do sudeste asiático, principalmente a Tailândia e Filipinas - que sofrem com as recentes inundações.

Bento XVI lembrou também os povos que vivem em lugares de conflitos, que "ainda hoje ensanguentam o Planeta", pedindo a Jesus, o Príncipe da Paz, que dê a paz e estabilidade à Terra Santa, encorajando o diálogo entre os israelitas e palestinos. O Santo Padre suplicou a Jesus também pelo fim da violência na Síria e pela plena reconciliação entre o Iraque e o Afeganistão.

E pediu ainda pelos povos de Myanmar e pelos países africanos dos Grandes Lagos e do Sudão do Sul, para que o Natal do Redentor garanta a estabilidade política e o empenho na tutela dos direitos dos cidadãos.

Por fim, o Santo Padre convidou a todos para olhar a gruta de Belém, e compreender que o Menino que ali contemplamos é a nossa salvação. "Ele trouxe ao mundo uma mensagem universal de reconciliação e de paz. Abramos- Lhe o nosso coração, acolhamo-Lo na nossa vida. Repitamos-Lhe com confiada esperança: 'Vinde salvar-nos'".

 

Fonte: Canção Nova Notícias

 

Viva... Jesus Nasceu!!! Feliz Natal ;)




sábado, 24 de dezembro de 2011

Vamos acolher o Deus Conosco

O nascimento de Jesus, o Cristo Senhor, na carne, é celebrado neste final de semana com toda solenidade. O clima que nasce ao redor deste acontecimento quer que deixemos de lado toda tristeza, ansiedade, angústia, que se esqueçam as adversidades, decepções e desilusões e tudo quanto possa colocar em risco o nosso entusiasmo, para que a nossa única reação seja aquela da alegria e da exultação. A liturgia é abundante e efusiva, com 3 formulários próprios para a celebração do dia de Natal. Com esta solenidade, nós iniciamos oito dias de comemoração festiva, que chamamos oitava de Natal. “Fizeste crescer a alegria e aumentaste a felicidade. Todos se regozijam em tua presença”, diz a leitura de Isaías, proclamada na missa da noite.

A alegria e felicidade do Natal querem também que esqueçamos quaisquer divergências, disputas e desentendimentos entre nós, deixando de lado o que possa causar divisão para encontrar Aquele que, com certeza, será capaz de unir e aumentar a paz, a serenidade e o espírito de concórdia, que sempre brota da unidade da vinda do Deus encarnado para a nossa salvação. A reconciliação e o perdão são consequências da alegria da vinda do Verbo de Deus entre nós: “hoje, na cidade de Davi, nasceu para vós um Salvador, que é o Cristo Senhor”.

Como o Verbo se fez carne para habitar entre nós, assumimos que concordamos em viver juntos com Ele e, consequentemente, assumir todas as suas expectativas. A sua presença nos envolve a ponto de despertar sentimentos tão bons, como vemos retratados nas pessoas nestes dias benditos, e certamente a nossa vida não pode permanecer a mesma. Somos incentivados a sair das amarras da maldade, maledicência, mediocridade e superficialidade, que não são apropriados para a verdadeira vida, para aspirar a novidade do viver em Cristo em todas as formas e dimensões do existir e, portanto, na ótica da paz e do amor.

Na profissão de fé, recitamos nestes dias, genuflexos e com o coração alegre, que "por nós, homens, e para nossa salvação, desceu dos céus". Para a revelação bíblica, o mais importante é que Deus "ama", e amou primeiro (cf. 1 Jo 4, 10.19). Deus quis a Encarnação do Filho não apenas para ter alguém fora da Trindade que O amasse de um modo digno de si, mas sim de alguém para amar de um modo digno de si mesmo, que é sem medida!

No Natal, quando chega a luz do Menino Jesus, Deus Pai tem alguém para amar na medida infinita, porque Jesus é Deus e homem, porém não somente Jesus, mas também nós, junto com Ele. Nós estamos incluídos neste amor, e tornamo-nos membros do Corpo de Cristo, "filhos no Filho". Isso nos vem lembrado pelo Prólogo de João: "Para todos quantos o receberam, deu-lhes poder de se tornarem filhos de Deus."

Cristo, portanto, desceu do céu "para a nossa salvação", mas o que O levou a descer do céu para a nossa salvação foi o amor, nada mais que o amor. O Natal é a prova suprema da "filantropia" de Deus, como a Escritura chama (Tito 3, 4), isto é, literalmente, do seu amor para com toda a humanidade. A resposta ao porquê da Encarnação foi escrita de forma muito clara nas Escrituras, pelo mesmo evangelista que escreveu o Prólogo: "Deus amou o mundo de tal maneira que deu Seu Filho unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna" (Jo 3, 16).

Qual deve ser, então, a nossa resposta à mensagem de Natal? "Como não amar Aquele que tanto nos amou?" Podemos fazer muitas coisas para celebrar o Natal, mas aquela mais real e mais profunda é sugerida a nós por estas palavras: um pensamento sincero de gratidão, de emoção e de amor por Aquele que veio habitar entre nós é o dom mais excelente que podemos dar ao Menino Jesus.

Porém, o amor precisa ser traduzido em ações concretas. Apesar de toda beleza do Natal, das celebrações, cânticos, enfeites, necessitamos dar um passo importante que deve marcar nossa vida: vamos aos pobres, aos que sofrem e estaremos nos encontrando com Ele (o que fiezerdes ao menor de meus irmãos...). Isto significa não só dar ajuda concreta, mas também uma palavra boa de esperança, um encorajamento, uma visita, um sorriso, enfim, uma presença de paz e fraternidade. Estas seriam as luzes mais bonitas que poderíamos acender no nosso presépio.

Então, Feliz Natal para todos! Para você que o esperou e o invocou. Para você que simplesmente não quer conhecer a Deus e tudo o que Ele fez e faz pos nós. Para você que se sente perto d’Ele, porque, como Ele, vive na periferia da história. Para você que está tentando dar um passo em direção a Ele e não consegue ver que Ele já fez cem passos para você. Para você que depois de anos fará o Natal sem o seu amado esposo ou sem a amada esposa. Para você que contempla profundamente em silêncio este mistério. Para você que agora tem em seus braços uma criança tão esperada e amada. Para você que trabalha incansavelmente no evento Bote Fé, com a peregrinação da Cruz Peregrina e do ícone de Maria em vista da JMJ RIO2013. Para você que quer fazer do Rio de Janeiro a cidade que em 2013 vai dizer ao mundo que acredita no futuro e ama a juventude. A você que compartilha das preocupações pastorais da Arquidiocese e se coloca disponível para a missão. A todos que buscam a vida e a verdade, e que nestes dias se interrogam sobre o sentido de sua vida. Você que genuflexa diante do mistério do Natal e quer seguir os ensinamentos do Verbo encarnado.

Feliz Natal para todos! Que o dia de Natal nos ajude a iluminar a nossa vida, de verdade, com a única luz que não se apaga: o Deus Menino que nos foi dado como Redentor!

Dom Orani João Tempesta - Arcebispo Metropolitano

O príncipe da Paz vai Nascer!!! Feliz Natal... :)




terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Cristo Redentor: embaixador da JMJ 2013

O Cristo Redentor vai ser o embaixador da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que acontecerá no Rio de Janeiro entre os dias 23 e 28 de julho de 2013. O maior cartão postal do Brasil foi escolhido para levar o nome da cidade aos quatro cantos do mundo em uma exposição itinerante, que será oficialmente lançada no dia 21 de dezembro, no Palácio Laranjeiras. A réplica da imagem, que tem mais de três metros de altura, passará também por alguns estados brasileiros junto da Cruz peregrina e do ícone de Nossa Senhora, que preparam o coração da juventude para a JMJ.

Segundo o reitor do Santuário Cristo Redentor, Padre Omar Raposo, levar a imagem do Redentor a tantos países, simbolizando o Mundo inteiro, nessa exposição itinerante, mostra como o Rio de Janeiro é acolhedor.

— O Cristo é o símbolo maior do Rio de Janeiro e, dessa maneira, ele é não somente um receptor de todos os turistas e peregrinos, como ele também, com os seus braços abertos, avança em direção às demais culturas e países, mostrando que o Rio é uma cidade aberta e acolhedora, afirmou.

A exposição Cristo Redentor para Todos ainda não teve a programação divulgada, mas o diretor geral do projeto dos 80 anos do Cristo Redentor, Eduardo Maruche, adiantou que a mostra trará a história do monumento e também possibilitará em workshops informações sobre o Rio de Janeiro, o apresentando como aquele que congrega belezas naturais, tem valores importantes e está recebendo uma ótima infraestrutura de acolhimento e segurança para o evento mundial de 2013.

— A exposição vai contar também toda a trajetória do Cristo Redentor, desde a sua criação até os dias de hoje. Isso é muito importante porque muita gente acha que o Cristo foi uma doação dos franceses. Então contaremos que o Monumento foi criado por brasileiros e que tem uma gestão da Igreja católica, afirmou.

* Texto: Raquel Araujo
* Colaboração: Marcylene Capper
* Fonte: www.arquidiocese.org.br

Novos membros integram o Setor Jovem

No sábado, 17 de dezembro, foram escolhidos novos membros para integrar o Setor Juventude da Arquidiocese do Rio de Janeiro. Realizada no Edifício João Paulo II, no bairro da Glória, a reunião foi dirigida pelo assessor eclesiástico do Setor, Padre Renato Martins. São eles: Marcio dos Anjos, da Congregação Mariana, Diogo Rocha, da Comunidade Shalom, e Juliana Fernandes, da Pastoral da Juventude.

De acordo com o Padre Renato, a escolha teve por objetivo fortalecer a coordenação do setor, que tem a função de reunir todos os segmentos juvenis atuantes na Arquidiocese.

— A função do Setor Juventude na Arquidiocese é congregar todas as expressões jovens, independente do movimento de que participam, respeitando a espiritualidade e identidade de cada um, afirmou Padre Renato.

Disse ainda que o trabalho com os jovens precisa ser cada vez mais articulado, em vista da Jornada Mundial da Juventude. Para 2012, já estão programados alguns eventos em âmbito arquidiocesano. Entre eles, o Folia com Cristo, no dia 5 de fevereiro, que vai acontecer na Avenida Presidente Vargas, no Centro. O outro é a Jornada Arquidiocesana da Juventude, no Domingo de Ramos.

— Fico feliz por ser escolhida como representante da juventude de nossa arquidiocese. Há uma gama imensa de carismas, que precisam ser integrados. O desafio é justamente proporcionar essa unidade. Temos muito o que fazer. O ano de 2012 é dedicado à juventude e temos pela frente a organização de uma jornada e a visita do Papa, disse Juliana.

O trabalho dos jovens escolhidos será, entre as muitas atividades, organizar as vigílias da juventude, um pedido do Arcebispo, que deve ser realizado mensalmente na Igreja de Sant’Ana, na intenção da JMJ.

— Nosso objetivo é articular a juventude nas paróquias e nos vicariatos, para que todos estejam animados para a JMJ e a visita do Papa Bento XVI à nossa cidade. A visita do Papa é uma grande motivação para que os jovens estejam mais inseridos na vida da Igreja, frisou Marcio.

* Texto e Fotos: Carlos Moioli
* Fonte: www.arquidiocese.org.br

Trabalhando pela JMJ 2013

Por Aline Barsan


Quatro meses após o pronunciamento do Papa Bento XVI de que a próxima Jornada Mundial da Juventude de 2013 seria no Rio de Janeiro, o Comitê de Organização Local (COL) da JMJ 2013 representado por Irmã Graça Maria, Padre Ramon e Diácono Leandro  se encontrou pela primeira vez na manhã deste último sábado (17/12/2011), às 9 horas, no auditório do edifício João Paulo II com mais de 200 representantes paroquiais. O objetivo do encontro é garantir a participação de todos, para que a jornada no Brasil possa assegurar um excelente acolhimento aos peregrinos em 2013.

A reunião esteve focada em três áreas de atuação: hospedagem, voluntariado e catequese. Cada representante paroquial terá que eleger mais três pessoas capazes de se responsabilizar por uma das três respectivas áreas já mencionadas. O objetivo do COL é organizar reuniões especificas de formação com cada setor individualmente.“Precisamos de pessoas responsáveis, participantes e que possam se comprometer com o trabalho” ressalta Irmã Graça Maria, responsável geral pelo setor de hospedagem.
Cada paróquia deverá fazer um mapeamento de acordo com sua área de atuação e identificar possíveis locais que possam servir de hospedagem e catequese para os peregrinos. Este relatório de análise deverá ser enviado pelos representantes paróquias ao COL até o dia 20 de janeiro de 2012 via e-mail.
Após o esclarecimento de como funcionaria o trabalho, houve um momento destinado a perguntas. A equipe mostrou-se bastante entusiasmada e interessada com a missão. “Demos o primeiro passo para que a roda possa girar” diz padre Ramon, responsável pela equipe de voluntariado.
O dever de casa já foi dado, agora mãos a obra!
Maiores informações acesse o site: www.rio2013.com

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

AGENDA FINAL DE SEMANA!

Dia: 17 de Dezembro
O que: Reviravolta – A Festa
Horário: as 19:30h
Local: Paróquia Imaculada Conceição e São Sebastião (Rua Catulo Cearense, 26 – Eng. De Dentro)
Participação: Cristoteca Rio (com DJ Vitor Salles) e Banda Canto Novo
Ingressos: 1º lote R$ 5,00 / 2º lote R$ 8,00
Informações: (21) 2599-9900 ou pimacss@gmail.com

Dia: 17 e 18 de Dezembro
O que: O Cordel Natalino
Horário: dia 17 às 21h e dia 18 às 20h
Local: Teatro Notre Dame (Rua Barão da Torre, 308 - Ipanema)
Ingresso: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia entrada)
Informações: (21) 2227-9200
Classificação Livre

Dia: 18 de Dezembro
O que: Jesus Summer Beat 2
Horário: a partir das 9h
Local: Mello Tênis Clube (Rua Caroen, 171 – Vila da Penha (atrás do Olimpo))
Participação: DJ Vitor Sales (Cristoteca), Banda Sambandorando e Fábio Borges (Rir um santo remédio)
Entrada: R$ 15,00
Informações: (21) 3376-8684 ou http://jesussummerbeat.blogspot.com



quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

JMJ Rio 2013: Um grande ganho para a cidade

Para quem ainda acredita que a juventude não se interessa pelas ações políticas de nossa cidade, a noite da última segunda-feira, 12 de dezembro, provou o contrário. Uma audiência pública, organizada pela Comissão Especial com a finalidade de acompanhar os preparativos para a realização da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) – que acontecerá na cidade entre os dias 23 e 28 de julho de 2013 – levou diversos jovens das mais variadas localidades à Câmara Municipal do Rio de Janeiro, visando refletir e planejar não só o acolhimento e a estada dos milhões de peregrinos que virão participar do evento, mas também todo o legado estrutural e espiritual que o encontro deixará para os cariocas.

O presidente da Comissão Especial para a JMJ, Vereador Carlo Caiado, o Relator Vereador Reimont, e um dos membros, Vereador Tio Carlos, fizeram parte da mesa, que também esteve composta pelo Bispo Referencial da Juventude no Regional Leste 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Nelson Francelino, pelo responsável do Setor de Voluntários da JMJ 2013, Padre Ramon Nascimento, pelo Assessor do Prefeito Eduardo Paes, Anderson Guedes, e pela Coordenadora de Departamentos do Setor de Voluntários da JMJ 2013, Gisele Azevedo.

Constituída pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro na Resolução Nº 1.214, de 26 de agosto, a Comissão Especial para a JMJ, segundo o Vereador Carlo Caiado, vem executando seu trabalho sem tornar pública as suas ações, pois o objetivo é refletir e planejar a partir dos anseios da sociedade, em especial, da juventude do Rio de Janeiro.

— Com a criação da Comissão Parlamentar Especial, a Câmara Municipal do Rio da a oportunidade para a sociedade de poder acompanhar os preparativos desse tão importante evento que é a Jornada Mundial da Juventude. A audiência de hoje é um lançamento e um alerta que a gente faz para buscarmos o melhor planejamento possível, tendo em vista um bom transporte, uma boa acomodação e um bom policiamento, não só para recebermos os jovens, mas para ficar como herança para a nossa cidade, disse o Vereador Carlo Caiado.

Já para o Relator da Comissão, Vereador Reimont, a Jornada Mundial da Juventude não se delimita à dimensão espiritual, mas também está diretamente ligada aos ganhos e benefícios que a cidade terá com a realização do evento.

— Além de discutirmos a dimensão da nossa fé e o envolvimento da juventude com a sua Igreja, com o seu batismo, e com o seu ser missionário, nós compreendemos que a Jornada Mundial da Juventude é um grande ganho para a cidade. Logo, o poder legislativo, como parte daqueles que organizam, pensam e querem o bem da cidade, acolhe a JMJ no Rio de Janeiro, porque sabe que para além dos ganhos da humanização, da espiritualidade, da dimensão da fé e da religiosidade, teremos um ganho para a cidade, que é a vinda de milhões de jovens que, após o evento, retornarão ao Rio com seus familiares e amigos, afirmou o Vereador Reimont.

De acordo com Dom Nelson Francelino, a JMJ deve ser o ponto de partida para que o legislativo possa refletir e criar políticas públicas concretas que tragam qualidade de vida e oportunidades para uma formação integral da juventude carioca.

— O Vereador Reimont falava da importância de estarmos juntos na Jornada Mundial da Juventude, mas eu destacaria, sobretudo, a importância dessa noite, pois traz para essa casa, para a Câmara Municipal, os apelos da nossa juventude carioca, não apenas se tratando de JMJ, mas também de suas vidas, anseios e expectativas. Que a JMJ seja uma oportunidade para levar a sociedade como um todo a pensar no drama, nas angústias e nas perspectivas da nossa juventude. Que a presença do Papa Bento XVI, a presença de toda essa mobilização em torno desse evento também nos leve, partindo dessa Câmara, a repensar um pouco a vida dessa juventude carioca, marcada por tanto medo, insegurança e falta de perspectiva, ressaltou Dom Nelson Francelino.

A audiência dirigida para a juventude contou também com a participação das comunidades Shalom e Bom Pastor, que fizeram algumas apresentações musicais. Um vídeo com depoimentos de jovens do mundo inteiro confirmando sua participação na Jornada Mundial do Rio também foi exibido durante o encontro. Além disso, onze jovens da Arquidiocese tiveram a oportunidade de expor suas experiências tanto nos trabalhos pastorais que realizam com a juventude carioca, quanto nas Jornadas de que participaram anteriormente.

A Comissão Especial para a JMJ tem como presidente o Vereador Carlo Caiado; Relator, Vereador Reimont; e membros os Vereadores Tio Carlos, Doutor Eduardo Moura e Jorginho da SOS. O Comitê Especial que acompanhará os preparativos para a realização da Jornada Mundial da Juventude Católica no Rio de Janeiro pretende realizar outras audiências públicas, com a participação da Igreja Católica, para encaminhar sugestões e demandas à Prefeitura.

*Fotos: Raphael Freire

Assembleia Arquidiocesana da Pastoral da Juventude do Rio de Janeiro


No último sábado, 10 de dezembro, foi realizada a Assembleia Anual Arquidiocesana da Pastoral da Juventude do Rio de Janeiro. Os coordenadores vicariais e foraneos se reuniram na Paróquia Nossa Senhora da Conceição e São José, no Engenho de Dentro, para refletir a realidade dos jovens carioca e criar ações que possibilite a evangelização nos diversos segmentos de juventude.

Enfatizando a Jornada Mundial da Juventude em 2013, a Campanha da Fraternidade, a Semana da Cidadania e o DNJ, a equipe formulou o calendário para 2012. Também destacou a importância da utilização dos meios de comunicação no processo de evangelização através da equipe de comunicação da PJ (COMPJ).

Em conjunto com os presentes foram formuladas idéias que otimizem a ação da PJ nas paróquias, amenizem as dificuldades de encontradas neste percurso e foi destacado a importância da formação dos jovens e coordenadores dos grupos para plena vivência evangélica na Igreja e no mundo.

Por Aline Barsan
Colaboração: Erica Luz

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

JMJ no Rio será de 23 a 28 de julho de 2013

A data da próxima Jornada Mundial da Juventude (JMJ) foi confirmada na manhã desta terça-feira, 13 de dezembro, pelo Pontifício Conselho para os Leigos (PCL), em Roma: será de 23 a 28 de julho de 2013. O Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, divulgou a novidade por meio de seu twitter.

De acordo com a postagem no twitter de Dom Orani, outro assunto tratado com o Pontifício Conselho foi a escolha da logomarca da JMJ Rio2013, que já havia passado por uma análise não conclusiva, mas que agora foi escolhida e será divulgada oportunamente.

Segundo informações do Arcebispo da Cidade Maravilhosa, no final de fevereiro de 2012uma comissão do PCL virá ao Rio e de 28 de março a 1º de abril do mesmo ano haverá uma reunião geral em Roma, na qual os organizadores da última JMJ, em Madri, também estarão presentes.

Uma comissão do Comitê Organizador Local (COL) da JMJ — composta pelo presidente da comissão e Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, por dois Bispos Auxiliares do Rio Dom Antonio Augusto Dias Duarte e Dom Paulo Cezar Costa, pelo Monsenhor Joel Portella Amado, da coordenação geral, e pelos Padres Márcio Queiroz, responsável pela Comunicação, e Renato Martins, responsável pelos Atos Centrais — está em Roma desde a última segunda-feira, 12, para este encontro com o Pontifício Conselho para os Leigos. Até a data da Jornada, as duas equipes — o Comitê Central, que é o Pontifício Conselho para os Leigos, em Roma, e o Comitê Organizador Local, no Rio de Janeiro — estarão trabalhando em unidade para garantirem que a Jornada seja bem sucedida.

Nice Affonso

*Fonte: Portal da Arquidiocese do Rio de Janeiro

domingo, 11 de dezembro de 2011

Jovens Adoradores em vigília pela JMJ

Teve início às 22 horas da última sexta-feira, 9 de dezembro, a segunda Vigília dos Jovens Adoradores, em preparação para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que acontecerá na cidade do Rio de Janeiro em 2013. Os jovens cariocas se reuniram no Santuário Nacional de Adoração Perpétua, no Centro, para pedir a Deus por toda a juventude e pela equipe organizadora e colaboradora da próxima jornada e também para louvar a agradecer por todas as graças recebidas e pelas atividades concluídas neste ano que se encerra.

A vigília começou com uma celebração eucarística, presidida pelo assessor eclesiástico do Setor Juventude da Arquidiocese do Rio de Janeiro, Padre Renato Martins, e contou com a animação da Banda Canto Novo.

Padre Renato chamou a atenção para os jovens que não ouvem o chamado de Deus, optando por andar pelo caminho do mal e abrindo mão de receber suas bençãos. Ele também afirmou que Deus olha a todos com misericórdia, e destacou a necessidade da abertura de coração:

— Deus diz: “Eu quero cuidar de você, mas você me exclui da sua vida”, salientou.

O Padre também lembrou a importância de que todos sejam adoradores, e reforçou que adorar é abrir um canal de comunicação especial, que permite entender a proposta e os planos de Deus para cada um:

— Não sabemos o que, como e a que hora fazer, pois estamos perdidos, e fazemos tudo errado. Isso é falta de comunicação com Deus, e essa comunicação se estabelece através da oração e da adoração, ensinou.

Padre Renato criticou o grande movimento contrário, que deseja ensurdecer e tornar cega a juventude, obstruindo o caminho de Deus em direção ao coração dos jovens, através das várias opções que o mundo oferece. Ele, então, enfatizou que Deus só precisa de um pouco do tempo de cada um para mostrar que pode fazer muito.

O Sacerdote ainda lembrou que, hoje em dia, o mundo vive reclamando de tudo, todos estão insatisfeitos em todas as esferas e qualquer acontecimento é sempre motivo para reclamação e revolta. De acordo com ele, isso acontece porque, nos momentos de tempestade, as pessoas não focam a possibilidade de ultrapassá-la. E, já que todos passam por provações, é preciso lembrar de olhar fixamente para frente, para ver a luz de Deus dando força e esperança a cada um para a superação das dificuldades.

— Temos que abrir o coração e pedir que Deus venha agir em nossas vidas. Só assim a tempestade logo passará, afirmou.

Para o Padre, aquele que permite que Deus faça parte da sua vida, encontra força e motivação para vencer. Aquele que o experimenta não desiste, tem coragem, pois Deus quer que todos sejam vencedores. Para tal, acredita, é necessário abrir o caminho e permitir que o Senhor se aproxime.

Ao encerrar, Padre Renato enfatizou que este é o momento de “transformar a juventude em jovens adoradores”, para que eles encontrem em Cristo o centro, a alegria, a paz, a força restauradora. O presbítero entende que o trabalho é difícil, pois muitos jovens simplesmente não possuem o desejo de experimentar o Senhor e viver todas as maravilhas que Ele oferece. Porém, incentivou a juventude lembrando que não se pode desistir; pelo contrário, é necessário perseverar cada vez mais:

— Temos que conquistar aqueles que ainda estão longe de Deus e aumentar nosso grupo de jovens adoradores, destacou.

Ao término da celebração, uma belíssima apresentação de dança, preparada pela coordenação do evento, pôde contagiar e preparar os jovens presentes para o momento de adoração ao Santíssimo Sacramento, que foi conduzido também pelo Padre Renato.

A vigília seguiu madrugada adentro, divida em três partes. A primeira, animada pelo Padre João Carlos e a Comunidade Missão em Teu Altar. Em seguida foi a vez da Comunidade Bom Pastor, juntamente com Márcio Pacheco e Soraya Moreno, conduzirem a adoração. A vigília foi encerrada com o terço mariano.

A próxima vigília já tem data marcada

Conforme o desejo do Arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, toda segunda sexta-feira de cada mês acontecerá uma Vigília dos Jovens Adoradores pela JMJ-Rio 2013. Toda a juventude está convocada a adorar o Senhor no dia 13 de janeiro de 2012, no Santuário Nacional de Adoração Perpétua, que fica na Igreja de Sant´Ana, no Centro.

*Fotos e colaboração: Victor Gonzalez
*Fonte: www.arquidiocese.org.br

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

AGENDA FINAL DE SEMANA!

Dia: 10 de Dezembro
O que: Festa Ploc
Horário: 19h
Local: Paróquia N. Senhora da Luz (Rua Ana Neri, 1114 - Rocha)
Ingresso: R$ 8,00
Informações: (21) 2241-0671

Dia: 10 de Dezembro
O que: Paróquia Imaculada Conceição: 80 Anos (Roda de Samba)
Horário: as 19:30h
Local: Paróquia Imaculada Conceição (Rua Catulo Cearense, 26 – Eng. De Dentro)
Informações: (21) 2599-9900
Entrada Franca

Dia: 11 de Dezembro
O que: Paróquia Imaculada Conceição: 80 Anos (O melhor da MPB)
Horário: as 19:30h
Local: Paróquia Imaculada Conceição (Rua Catulo Cearense, 26 – Eng. De Dentro)
Informações: (21) 2599-9900
Entrada Franca




Dia: 17 de Dezembro
O que: Reviravolta – A Festa
Horário: as 19:30h
Local: Paróquia Imaculada Conceição e São Sebastião (Rua Catulo Cearense, 26 – Eng. DeDentro)
Participação: Cristoteca Rio (com DJ Vitor Salles) e Banda Canto Novo
Ingressos: 1º lote R$ 5,00 / 2º lote R$ 8,00
Informações: (21) 2599-9900 ou pimacss@gmail.com

Por Laila Vargas



Pastoral da Juventude rumo da JMJ Rio2013

A Comissão Arquidiocesana da Pastoral da Juventude (PJ), da Arquidiocese do Rio de Janeiro, promoverá neste sábado dia 10 de dezembro de 9h as 18h, na Paróquia Nossa Senhora da Conceição e São José – Engenho de Dentro, uma assembleia destinada à discussão das metas da Pastoral para os próximos anos. É tempo de Ver, julgar, agir, rever e celebrar afinal a PJ é uma pastoral orgânica e que reflete não somente sobre eventos, mas também sobre toda uma estratégia de evangelização que deve ser fundamentada na palavra e nas orientações da Igreja.


Para esta reunião a nível arquidiocesano são esperados em média 40 lideres das regiões entre eles: coordenações vicariais, forâneas, assessores leigos e padres assessores, e também Dom Antonio Augusto, bispo auxiliar da arquidiocese e animador da juventude carioca, que celebrará a Santa Missa ao final da Ampliada, Pe. Gilvan Andre - Assessor Eclesiástico da Pastoral da Juventude na Arquidiocese e Monsenhor Gustavo Auler que acolhe esta assembléia. “É com alegria que percebemos a preocupação do clero e seu acompanhamento junto à juventude ressaltando sempre o protagonismo juvenil, que é uma das bases de toda a metodologia da pastoral” diz Walmyr Junior Tesoureiro arquidiocesano da pastoral.


Na ocasião serão discutidos assuntos: formação para os jovens, os projetos nacionais da pastoral da juventude, comunicação e as propostas para articulação da Jornada Mundial da Juventude Rio 2013 nas paróquias, que tem como tema: “Ide, fazei discípulos entre todas as nações” (Mt 28, 19). Com esse intuito será trabalhado os projetos de evangelização da Pastoral da Juventude do jeito jovem de ser. As abordagens serão dadas pelos jovens sob a orientação dos assessores segundo as diretrizes da CNBB e do 11° Plano de Pastoral em Conjunto da Arquidiocese do Rio.

Esta ampliada acontece anualmente para refletir sobre as questões que estão a cerca da juventude e organizar programação de atividades forâneas, vicariais, arquidiocesanas, regionais e nacionais para o próximo ano, fazendo a juventude estar presente em todas as instâncias da nossa Igreja. "Será uma grande oportunidade para nós lideres de juventude partilhar e pensar ideias que possam melhorar o trabalho de evangelização da Juventude, e destaco a alegria de estarmos unidos aos nossos queridos sacerdotes, que nos acompanham. Em tempo de preparação a JMJ esperamos que esta ampliada seja o ponto de partida para um novo rumo da PJRio, em busca de contribuir com o crescimento de nossa igreja, de uma sociedade justa, e de reavivar a fé!” diz Aline coordenadora Arquidiocesana da Pastoral da Juventude Rio, sobre a importância desta ampliada.


Juliana Fernandes

Coordenadora da Pastoral da Juventude da Arquidiocese do Rio de Janeiro

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

"Vigília dos jovens adoradores"

O Setor Juventude da Arquidiocese do Rio de Janeiro e o Comitê Organizador Local (COL) da JMJ Rio2013 realizará a 2ª edição da “Vigília dos jovens Adoradores” dia 09 de dezembro às 22 horas, na Igreja de Sant´Ana, no Centro. Com o intuido de preparar o coração dos jovens para jornada, mantendo-os em intercessão, a intenção é que a vigília aconteça toda 2ª sexta-feira do mês até a chegada da Jornada Mundial da Juventude em 2013, encerrando a vigília na presença do Papa Bento XVI, momento crucial que ocorre em todas as jornadas. “Queremos que os jovens já se sintam motivados com a experiência da jornada desde agora" diz Juliana Fernandes, coordenadora Arquidiocesana da Pastoral da Juventude.

A condução do evento será dividida entre as pastorais, comunidades e movimentos jovens da Arquidiocese do Rio de Janeiro – acompanhados de um sacerdote – valorizando a diversidade eclesial e o carisma de cada expressão de juventude. Neste mês de dezembro teremos a presença do Pe Renato Martins (Missa), Pe João Carlos e Missão em Teu Altar, comunidade Bom Pastor e muito mais. Junte-se a nós em oração e peçamos ao Senhor que abençoe a JMJ em nosso país.

Acompanhe os preparativos da JMJ 2013!

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

AGENDA FINAL DE SEMANA!!!

Dia: 03 e 04 de Dezembro
O que: Curso sobre a Teologia do Corpo
Horário: dia 3 as 8:30 e 16:30 e dia 4 as 8:30 e 12:30
Local: Basílica de Santa Terezinha do menino Jesus (Rua Mariz e Barros, 354 – Tijuca)
Inscrições: pastoralfrj@gmail.com
Informações: no blog www.pastoralfamiliarrj.blogspot.com
Entrada Franca

Dia: 03 e 04 de Dezembro
O que: Auto de Natal
Horário: dia 3 as 18:30h e dia 4 as 20:30h
Local: Paróquia São Paulo Apóstolo (Rua Barão de Ipanema, 85 - Copacabana)
Realização: Grupo Jovem Anjos de Fé
Informações: (21) 2255-7547

O que: Inscrições para voluntário JMJ Rio 2013
INTERESSADOS DEVERÃO MANDAR UM E-MAIL PARA: volunt@rio2013.com
Jovens acima de 18 anos.
Jovens com 16 e 17 anos, somente com autorização do responsável.
O e-mail deve conter: NOME, IDADE, PARÓQUIA e se tem fluência e escrita em outros IDIOMAS.
Haverá um STAND para inscrições na Feira da Providência (30/11 a 04/12) - 10h às 17h

Dia: 10 de Dezembro
O que: Festa Ploc
Horário: 19h
Local: Paróquia N. Senhora da Luz (Rua Ana Neri, 1114 - Rocha)
Ingresso: R$ 8,00
Informações: (21) 2241-0671

Por Laila Vargas

Siga-nos!!!