quinta-feira, 28 de julho de 2011

Nesse clima de Jornada Mundial da Juventude (JMJ), costumamos deixar de lado o evento organizado para os jovens que todo ano bomba nossa Arquidiocese que é o Dia Nacional da Juventude (DNJ), mas a Comissão Arquidiocesana da Pastoral da Juventude (PJ), se reuniu no último dia 26 de julho para continuar a pensar nesse evento que sucederá a Jornada de 2011.

Numa reunião cheia de idéias, estavam os representantes de cada vicariato, alguns forâneos e representantes da comunicação da pastoral. Várias ideais foram discutidas e muitos planos foram definidos para serem apresentados na reunião do Setor Juventude, que ocorrerá no dia 28 de julho na sede da Mitra.

O que o DNJ representa? A comemoração de nossa juventude e de nossa caminhada. Nesse ano o tema é “Juventude e protagonismo feminino” com o lema “Jovens mulheres tecendo relações de vida” com a iluminação bíblica da passagem da Samaritana: Jo 4,5-42. Depois da reunião do Setor Juventude postaremos algumas novidades! Acompanhe e dê idéias!!!! O DNJ é nosso! De toda a juventude engajada e com sede de Deus!


"Maria, Maria: quem traz no peito essa
marca possui a estranha mania
de ter fé na vida!" (Milton Nascimento)

Ana Bayer

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Pré-Jornada carioca reuni jovens no Recreio


Estimular os jovens para a missão e prepará-los para esse grande momento de aprofundamento que é a Jornada Mundial da juventude foi o que reunião a juventude carioca no encontro arquidiocesano Pré-JMJ 2011, neste último sábado, dia 23 de julho, no Colégio Nossa senhora da Ressurreição, no Recreio. O evento organização pela arquidiocese do Rio de Janeiro e a comunidade Alegra-te, contou com o apoio das novas comunidades, dentre elas a Comunidade Pequeno Rebanho que representada pelo fundado Alexandre Bastos ficou na condução do evento., a animação ficou sobre a responsabilidade do Ministério de música da comunidade Bom Pastor, já os jovens da Comunidade Shalom apresentaram a peça teatral "O canto da Írias". Anconteceu além de palestras e adoração, a missa de envio para os jovens que irão à jornada, presidida por Dom Orani João Tempesta, arcebispo do Rio de Janeiro, concelebrada por Dom Antonio Augusto, bispo auxiliar e animador do setor juventude, Dom Roberto Lopes, vigário episcopal para os Institutos de Vida Religiosa, Sociedades de Vida Apostólica e Novas Comunidades, e alguns padres da região. A missa teve início as 15 horas horário da misericórdia, e mais todo o evento foi transmitido ao vivo por mídias católicas de comunicação.

Uma das surpresas do encontro foi a pregação do jovem Adriano Gonçalves, apresentador do programa de tv "Revolução Jesus" e membro da comunidade canção nova, onde o mesmo destacou suas experiências em outras jornadas e fez um breve comentário sobre seu novo livro "Nasci pra dar certo". A Pré-JMJ 2011 começou as 9 horas da manhã e só terminou as 22 horas com shows dos cantores Bruno Camurati e Eliana Ribeiro.





Leia o novo livro de Adriano Gonçalves (Com.Canção Nova)!

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Retiro da PAJUVIN

Neste final de semana aconteceu o Retiro da PAJUVIN, na Casa de Retiros Regina Coeli, na Usina. O retiro refletiu o mesmo tema da Jornada Mundial da Juventude "Enraizados e Edificados em Cristo" através de palestras, oficinas, partilhas e dinâmicas baseadas na Carta do Papa João Paulo II aos jovens.

Cerca de 65 jovens compareceram ao encontro e tiveram a oportunidade de vivenciar mais a fé católica, percebendo, através das colocações, a importância da oração na vida do cristão como forma de enriquecimento espiritual e busca da intimidade com Deus.

A animação do retiro ficou por conta do Ministério Torre de Davi que proporcionou grandes momentos de louvor durante todo o encontro.

Erica Luz
Equipe COMPJ

"Deus não poderia me inspirar desejos irrealizáveis, portanto, posso, apesar da minha pequenez, aspirar à santidade". (Santa Teresinha do Menino Jesus)

sábado, 23 de julho de 2011

7º MUTICOM - Sexta-feira - Diários de bordo


Chega ao fim nessa última sexta duas experiências digamos únicas. A primeira foi o MUTICOM e a segunda nosso Diário de bordo. As duas tem semelhanças muito boas como por exemplo a diversidade de vivências. Tivemos aqui como no evento acontecimentos que nos marcaram tanto positivamente quanto negativamente mas em todos estava uma percepção jovem. Bem indo pro MUTICOM. Começar o dia já com gosto de quero mais e com uma discussão sobre imanente e transcendente... a primeira vista poderíamos achar uma temática que talvez pelo desuso dos termos no mundo jovem, algo não interessante. No entanto, essa foi sem dúvida um dos melhores painéis do evento e que mais toca o jovem... felicidade de momento que podemos perceber , ou das regras que nossa cabeça, moral ou religião nos mostra.

É uma discussão que dá pano pra manga e que o Padre Jesus Hortal definiu de maneira perfeita: "Devemos estar junto com Deus, pois somente ao lado dele poderemos de fato ser felizes".

Almoço, convívio e stand up comedy, e feito por um amigo que eu nem sabia que tinha esse talento, o de trazer o riso. Parabéns ao querido Fábio Borges por seu "Rir é um santo remédio". O bom foi bater um papo com os amigos Cristiano e Luciana da Banda Canto Novo e matar saudades.

A tarde, teve a oficina que pra mim foi sem dúvida a melhor que eu fiz sobre acordar o líder em você. E a conclusão chegada foi: o bom líder é aquele que sabe se liderar. ~Pois não podemos mudar o outro mas somente a nós mesmos. E isso já dá um trabalho...
Depois mais convívio. Um café e bate papo com o amigo Anderson Ignácio e depois, bagunça com novos amigos feitos de varios estados...São Paulo, Bahia, Paraná e tambem Rio de Janeiro.

Por fim o MUTICOM termina com a apresentação da Bateria da Beija Flor. Padre Omar cantando, Nestor da web tv Redentor puxando samba e Paulo Lima da organização do MUTICOM no cavaquinho. Foi muito bom. Mas o melhor além dos novos conhecimentos foi reestreitar os laços com tantos amigos...
Fica aqui a experiência MUTICOM 2011 e junto com ela essa primeira edição do nosso Diário de Bordo

http://www.youtube.com/watch?v=kviV30k4fT0&feature=BFa&list=PLFB6C81DE9172FA32&index=1


*Anna Carolina Bayer
Secretária de Comunicação da PJ Rio

sexta-feira, 22 de julho de 2011

7º MUTICOM - Diário de Bordo - Quinta 21 de julho

Antes de registrar como foi a quinta-feira do MUTICOM, dia 21 de julho, quero expressar a alegria que tive, ao longo desses dias do 7º Mutirão da Comunicação, pelos encontros com amigos que tornam a caminhada mais suave. Nesses quatro dias de Mutirão pude almoçar, ter conversas breves e papos longos acerca de questões relevantes e engraçadas sobre a comunicação, a Igreja e também sobre a Juventude com os amigos Ricardo Franco, Anna Carol Bayer, Isaías e Anne, Comunidade Coração Novo, Fátima, Gi e Mazé, da Canção Nova, Leandro Souza e o Júnior, da Frutos e como não falar do padre Márcio e o diácono permanente Gilvan?!

Às 9 horas começou a primeira mesa do dia, o tema do painel era “Jovens, novas
comunidades e redes sociais”. Achei o tema muito bom e destaco a participação de duas
professoras excelentes para a abordagem do tema juventude, Santuza Navez, da PUC-Rio, e Silvia Ramos, da Cândido Mendes. Ambas pesquisadoras e professoras universitárias trouxeram, além de suas experiências, dados acerca de como os jovens tem se comunicado, e especificamente (como era proposta da mesa) qual tem sido o papel das redes sociais.

Dentre as várias informações importantes dessa mesa, teve uma que é tão significativa quanto discreta. Trata-se de uma percepção da professora Santuza quanto o botão compartilhar do Facebook.

Por vezes ouço que a sociedade é individualista e depois ouço em seguida na mesma frase
uma critica como que associando isso aos jovens, como se fosse uma espécie de característica intrínseca à geração das décadas de 80 e 90 do século passado, que é a juventude de hoje. Discordo dessa concepção em definitivo, não apenas pelo simbolismo do botão compartilhar, mas também por outros motivos, como por exemplo, a mobilização de jovens para formarem Pré-Vestibulares Comunitários entre outras ações de justiça social e integração.

Essa palavra de vocação cristã, “compartilhar”, presente numa rede social colabora, e muito, para pensarmos o que a Juventude está querendo dizer hoje para um mundo cercado de grades, câmeras e fronteiras de arames farpados. Quem compartilha algo está não apenas
dando algo, mas enviando um convite ao outro para participar do seu convívio.

Penso, que todos nós, Jovens ou não, em nossas pastorais, movimentos e novas comunidades podemos fazer muito para que através da Comunicação, interna e externa, seja compartilhado o dom primeiro que nos foi dado por Deus: a vida.

Anderson Ignácio
Centro de Pastoral Anchieta/PUC-Rio

Halleluya 2011


Envolvendo missas diárias, música, teatro, dança e esportes radicais. O Halleluya é o maior festival multi artes integrado do Brasil. Fundado no ano de 1997 pela Comunidade Católica Shalom, em Fortaleza/CE mai. O Festival vem crescendo a cada ano, no ano passado nos 5 dias de eventos o público chegou a 800 mil pessoas. Mais do que um evento de artes é um evento social, ainda em 2010, a Espaço Construtores da Sociedade contou com a parceria do Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce) foram coletados 421 bolsas de sangue, 312 doadores de medula óssea, 115 atletas competindo no Halleluya Adventure, um espaço de competições de esportes radicais, dentre eles street skate, bmx e patins. Além disso o Halleluya é uma reunião de jovens de várias religiões. Lucas Bruno, de 19 anos,um dos competidores do espaço Halleluya Adventury é evangélico e diz não se incomodar com a diferenças religiosas, acredita que fé aliada aos esportes foi o que o afastou das más companhias. Nomes da música católica, como Adriana e Dunga já marcaram presença nestes últimos 2 dias de Halleluya e muitos artistas ainda virão, a atração principal de hoje são os músicos da banda Rosa de Saron. O Halleluya começou no dia 20 de julho e vai até o dia 24. A expectativas dos organizadores é de que neste ano 150 mil jovens participem do evento que está sendo realizado no Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU), uma fazenda próxima ao estádio de futebol Castelão, em Fortaleza.

Lucas Bruno, 19 anos -Evangélico


Assista o vídeo do Espaço Construtores da Sociedade

Fonte G1 e Portal Halleluya

Aline Barsan

quinta-feira, 21 de julho de 2011

7º MUTICOM - Diário de Bordo - Quarta 20 de julho

No dia 20 de julho, quarto dia do Mutirão Brasileiro de Comunicação (MUTICOM), na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), o período da manhã foi de singular formação com a presença do Reitor da PUC, Padre Josafá Carlos de Siqueira; do professor do Departamento de Comunicação Social da PUC-Rio e jornalista da Globo News, André Trigueiro; da professora do Departamento de Teologia da PUC-Rio, Maria Clara Bingemer; e do professor do Instituto de Psicologia da UFRJ, Joel Briman. A mediação ficou por conta do Assessor de Comunicação da CNBB, Padre Geraldo Martins, que junto com os participantes, ouviu sobre o tema “Comunicação como processo de valorização da vida”.

Para Padre Josafá, há uma ligação entre fatores diversos que se relacionam fundando tal comunicação, como ele pontuou seria a “Anterioridade da Comunicação da Vida”, que diz respeito à dimensão geológica e teológica que existe desde a antiguidade, mesmo quando nem os homens pensavam em comunicação, o qual já a exerciam indiretamente. Já a “visão planetária”, o cristão tem como método de aprimoramento da visão de mundo, de uma “totalidade” sobre um contexto; a perspectiva cosmocêntrica que se relaciona ao ambiente concomitantemente ao social (citado como exemplo a atual Campanha da Fraternidade); a postura antropológica, mesma maneira que os discípulos levantavam-se na Ceia, da mesma forma que o Cristo Redentor abre os braços para o Rio de Janeiro, é desta maneira disposta que o cristão deve apresentar-se a servir; no diálogo intercultural e interreligioso como fusão da cultura (diferenças) e da religião (crenças) juntamente à afetividade do cristão que deve abraçar as causas sociais, ambientais e religiosas sem fazer omissão à identidade de cada um numa perspectiva humana e espiritual.

No decorrer da manhã os demais conferencistas esmiuçaram o tema citando Jesus como total comunicação de Deus para com os cristãos, e no cristianismo revelado na história pela bíblia como desenvolveu a professora Maria Clara Bingemer. O jornalista e professor André Trigueiro citou o discernimento do comunicador em saber como publicar sem apelar de modo sensacionalista.

Já durante à tarde na oficina tão badalada (se não a mais) do Muticom, que teve como tema “Blogs, Sites e Portais”, a professora de jornalismo do curso de Comunicação Social e uma das integrantes da equipe de criação do Portal PUC-Rio Digital, Carla Rodrigues, trabalhou a origem do computador e da internet, além de explicar a diferença entre site (sítio de informações explícitas), portal (coletivo de sites) e blog (publicação individual [...]) comentando as Redes Sociais.

Uma Santa Missa foi celebrada no final das atividades e, logo após, houve a Entrega do Prêmio de Comunicação da CNBB com a presença do Padre Fábio de Melo com transmissão ao vivo pelo portal http://puc-riodigital.com.puc-rio.br e também pelo site http://www.muticom.com/.

Verônica Freire
Representante do Grupo Jovem da Matriz de Santa Teresa no Ministério da Juventude
Vicariato Urbano

quarta-feira, 20 de julho de 2011

7º MUTICOM - Diário de Bordo - Terça 19 de julho

No dia 19 de julho começaram as oficinas do Muticom, cheguei lá na parte da tarde para as oficinas e não estava de manhã para acompanhar os painéis de discussões que estão acontecendo no ginásio da PUC.



Para minha surpresa, ao chegar na sala de aula onde aconteceria a oficina que iria fazer, Workshop vocal, fui informado que esta estava cancelada e sem maiores explicações fui orientado a procurar uma outra oficina.



Escolhi então a oficina de organização e produção de eventos católicos, onde pudemos aprender um pouco de como planejarmos um evento na paróquia, desde a elaboração e criação até o pós-evento. Devo confessar que foi bem bacana, porém poderia ter sido melhor aproveitado se não fossem algumas pessoas que ao invés de estarem lá para aprenderem, acharam que era um grupo de discussão e queriam só trocar experiências, tirando isso a oficina foi bem interessante.



Com o término da maratona de oficinas, uma Missa foi celebrada na Igreja do Sagrado Coração de Jesus na PUC-Rio e, logo após, o grupo Farofa Carioca animou os participantes do Mutirão.

Michel Soares


Grupo Jovem Renovados


Paróquia Nossa Senhora do Bonsucesso de Inhaúma - Bonsucesso


Vicariato Leopoldina - 2º Forania

FELIZ DIA DO AMIGO


É graça de Deus que inspirou a Dom Eugenio Sales, Cardeal Presbítero da Santa Igreja Romana, a fundação da Pastoral da juventude que hoje formamos esta imensa rede de amigos, que compartilham momentos de tribulações, dificuldades, mas de também de muitas alegrias, porque a nossa alegria vem do alto, é o que nos faz levar a palavra do Senhor à outros jovens que ainda não o conhece.
Nós da comunicação gostaríamos de expressar neste vídeo a nossa homenagem a todos família PJ Rio:



Saiba um pouco mais da história de Dom Eugenio

terça-feira, 19 de julho de 2011

Dom Antônio Augusto fala aos jovens do país



No último final de semana aconteceu do dia 13 a 17 de julho o acampamento PHN com o tema "O amor jamais acabará", organizado pela comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista/SP. Esteve presente Dom Antônio Augusto, bispo auxiliar da Arquidiocese do Rio e motivador da Juventude, que presidiu a santa missa de encerramento no domingo(17/07/2011). Em poucas palavras Dom Antônio com seu jeito sereno e tranquilo de falar deixou uma mensagem profundamente tocante a toda a juventude do nosso país. Você que é jovem, que luta por uma vida de santidade, mesmo não estando presente no PHN, Deus quer falar com você nesta hora através das palavras de Dom Antônio Augusto. Dedique um pouco do seu tempo para ouvir ao Senhor e confira esta homília maravilhosa do nosso Pastor!





Entrevista de Dom Antônio Augusto a Webtv Canção Nova:

7º MUTICOM - Diário de Bordo - Segunda 18 de julho

Participar de um dos eventos mais importantes de Comunicação que a Igreja Católica realiza, é motivo de grande graça, alegria, e um desafio. Mas só percebemos isso, quando somos lembrados a todo o momento, que fazemos parte de um grupo intitulado “Agentes Multiplicadores”, sendo responsáveis de levar todo o aprendizado, todas as experiências, todos os momentos de oração e fé, realizado no 7º Mutirão Brasileiro de Comunicação (MUTICOM), para nossas comunidades, pastorais e movimentos.

Com o tema: “Comunicação e Vida: Diversidade e Mobilidades”, o 7º MUTICOM está sendo realizado na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), entre os dias 17 e 22 de julho, reunindo Bispos, Sacerdotes, Acadêmicos, Especialistas, Empresários, Agentes da Pastoral da Comunicação (PASCOM), entre outras pessoas de vários Estados do Brasil.

Nós da Pastoral da Juventude do Rio de Janeiro (PJRio), não poderíamos ficar de fora desse momento, onde a Igreja se coloca como protagonista nesse processo de evolução da comunicação, lutando sempre pela valorização do ser humano, da família e dos valores cristãos, não só nos meios tradicionais de comunicação, mas também nas redes sociais e pela internet, contribuindo assim, para uma verdadeira diversidade dos meios, cultural e principalmente social.

Pensando nessa diversidade e na pluralidade, a estrutura do evento conta com Laudes, Painéis com palestrantes variados, Oração do Angelus, Poetas e Trovadores pelo Campus da Universidade, Debates, Santa Missa, Espetáculo Teatral, Celebração Ecumênica e diversas oficinas práticas.

Na última segunda-feira, dia 18 de julho, o Painel da manhã tinha como tema: “Concepção, filosofia, estruturas e modalidades da Comunicação na Igreja e a imagem da Igreja na mídia”, os conferencistas foram Dom Claudio Maria Celli, Dom Frei Leonardo Ulrich Steiner, Dom Orani João Tempesta, Dom Dimas Lara Barbosa e Luis Erlanger.

Já durante à tarde, o “Seminário das Organizações e Instituições Católicas de Comunicação do Brasil”, apresentou de certa forma mais institucionalmente, algumas TVs e rádios católicas, como por exemplo, TV Aparecida, TV Século 21, Rádio Renascença de Lisboa, Rede Vida de Televisão, entre outras. “Uma reflexão sobre a Mídia Contemporânea” também foi um tema trabalhado na tarde do segundo dia de MUTICOM.

Na programação cultural, o destaque foi para o cantor Jorge Vercillo, que apresentou seus maiores sucessos para os participantes do mutirão no Anfiteatro da Universidade. Logo após o show, uma Missa com Vésperas e uma Celebração Ecumênica foram celebradas na Igreja do Sagrado Coração de Jesus, fechando assim a programação do dia.

Fique ligado, pois a PJ Rio trará para você o que de mais importante está acontecendo no 7º MUTICOM.

Raphael Freire

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Pré-jornada com inscrições esgotadas


Por Aline Barsan


Segundo o Comitê de organização do evento a Pré jornada arquidiocesana do Rio que irá acontecer no Cólegio Ressurreição no Recreio, no próximo sábado dia 23 de julho, estão com inscrições encerradas. O número de inscritos via internet superou as espectativas, chegando a 700 o número de pessoas inscritas. Este número mostra que os jovens cariocas estão mais motivados e ativos na busca de seu crescimento espiritual e na vida fraterna juntamente com toda igreja. E mais, isso mostra a obediência a voz do Pastor, na mensagem do Papa Bento XVI para a Jornada Mundial da Juventude 2011 Ele declara aos jovens " A opção de crer em Cristo e de O seguir não é facil; é dificultada pelas nossas infidelidades pessoais e por tantas vozes que indicam caminhos mais fáceis. Não vos deixeis desencorajar, procurai antes o apoio da comunidade cristã, o apoio da igreja!" . Louvado seja Deus pela nossa igreja que é sustento hoje para estes jovens que se levanta para seguir a Deus. Mas se você não conseguiu fazer sua inscrição para este evento, não fique triste nós da Comunicação da PJ estaremos presentes cobrindo todos os momentos possíveis para disponibilizó-los para você. Fique atento as próximas postagens!

domingo, 17 de julho de 2011

MUTICOM - Diário de Bordo - Domingo 17 de julho

Domingo - dia 17 de julho

Por Anna Bayer


Primeiro desafio, chegar a PUC. O Muticom teve início com a chegada a Puc Rio, localizado na Gávea. Após eu ter pego dois ônibus o sono pintou na área, mas consegui chegar para o credenciamento a tempo, que por sinal foi super rápido. Todos os participantes ganhavam uma bolsa com materiais, incluindo a programação para todo os dias do evento, dvd e cracha. A Puc Rio é um lugar sensacional, com uma beleza indescritível. Tem um painel do Portinari, sobre os ensinamentos de Jesus no templo, a igreja é xtremamente bela, aos fundos da capela há uma hortinha com plantas bíblicas. foi dentro da igreja que teve inicio a celebração de abertura do 7º Muticom. A homilia foi sobre a parabola do joio e do trigo. Após a missa, fomos todos para ginásio da faculdade, onde houve a abertura do Muticom. Uma das coisas que mais me chamou atenção foi a apresentação dos estudantes do Notre Dame, com as bandeiras de cada estado, mostrando que o Muticom é um evento que integra todo o país. Depois teve uma conferência com o Monsenhor Dário Vigano, onde ele falou sobre os tipos de audiência e deu dados super interessantes sobre a aceitação das mídias sociais aqui no nosso pais. Por exemplo, aqui , a rede com maior adesão é o orkut (e olha que eu achava que ele tinha morrido hein!)
Depois teve show da Fuzibossa, banda dos fuzileiros navais. Achei bem diferente, mas bastante animada por sinal . Bom galera e assim teve fim o primeiro dia de Muticom.fique ligado que muita coisa ainda vem por ai!

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Retiro Suburbano - Eu fui


No ultimo fim de semana o Vicariato Suburbano realizou um Retiro de Exercícios Espirituais para jovens, no Convento Nsa. Sra. Do Monte Carmelo, no Campinho.
O Retiro teve inicio na sexta-feira à noite, com Acolhida e um delicioso jantar. Após os jovens assistiram ao vídeo, Karol, o homem que se tornou Papa, que conta a historia do Beato João Paulo II.
Foram dias de muita oração e reflexão com Ofício divino, Terço Mariano, Palestras, Partilhas, Oração em silêncio, Via Sacra, Imposição do Escapulário, intervalos com lanches e encerrando no domingo à tarde com a Santa Missa.
Um final de semana abençoado onde os jovens puderam aprofundar sua Fé, refletir sobre sua caminhada cristã, além de fazer novas amizades.
Para aqueles que não puderam participar desse retiro, e desejam viver momentos oração e um encontro pessoal com Deus. Consultem os próximos eventos, no Facebook: PJ Rio.
*texto de Laila Vargas

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Um Mutirão para comunicar a verdade

O 7º Mutirão Brasileiro de Comunicação – Comunicação e Vida: Diversidade e Mobilidades, que acontecerá entre os dias 17 e 22 de julho, na Puc-Rio, na Gávea, pretende ser um marco para melhorar a comunicação no Brasil. Para o coordenador geral do Muticom, Padre Omar Raposo, a participação de todos os agentes da Pastoral da Comunicação é essencial.

- O Mutirão é um evento imperdível. Quem pensa em comunicação na Igreja Católica não pode ficar de fora. A nossa motivação é poder estar em um ambiente com um grande fluxo de informações, possibilidades e projetos e, a partir dessa dinâmica, criar uma interface mais positiva e profissional para a comunicação da nossa Igreja, revelou o Sacerdote que também é Assessor para eventos de massa da Arquidiocese do Rio de Janeiro.

O Muticom está sendo organizado pela Arquidiocese do Rio e pela Pontifícia Universidade Católica. Segundo o Vigário Episcopal para a Comunicação Social, Padre Marcos William Bernardo, é fundamental conhecer os diversos meios de comunicação e ter com eles uma maior familiaridade, reconhecendo a importância das novas tecnologias para o processo evangelizador.

- No Muticom, os participantes terão o privilégio de refletir e ampliar o conhecimento da boa comunicação, no universo paroquial, porque sem ela o processo de evangelização fica deficiente. Nós não podemos desconhecer que a comunicação faz parte da dinâmica humana, destacou.

O Coordenador Arquidiocesano da Pastoral da Comunicação (Pascom), Padre Márcio Queiroz, também acredita que, diante de todos os conteúdos que serão tratados ao longo desses dias e por tudo o que vai ser oferecido, os participantes terão uma oportunidade única de conhecer melhor os meios e as ferramentas de comunicação que estão sendo utilizadas atualmente. E, a partir das experiências partilhadas, contribuir com o crescimento das paróquias e comunidades.


“Participação da Pascom é essencial”, afirma Pe. Márcio

- Acredito que o Muticom nos fará “entrar em águas mais profundas”, como diz o Evangelho, para aumentar o conhecimento e não temer o novo que virá. A participação dos “pasconeiros” é fundamental, porque os agentes da Pascom são aqueles que estão diretamente responsáveis pela comunicação da nossa Igreja, incentivou.

Padre Márcio também destacou que os comunicadores católicos, que falam em nome da Igreja, precisam utilizar a linguagem leiga de forma cristã, autêntica e ética, como alguém que crê verdadeiramente em uma comunicação diferenciada.

- O “ser cristão” é uma identidade própria desse comunicador, que, através das suas palavras, transparece a fé vivenciada e “anuncia o que escutou ao pé do ouvido”, como nos diz a Palavra de Deus, enfatizou.

Oficinas inovadoras alcançam pessoas de todas as idades

- Os participantes vão se aprofundar sobre as questões da comunicação e conseguirão transmitir a Palavra de Deus de uma melhor maneira. Os jovens também encontrarão oficinas inovadoras e atuais, como “Mídias Sociais” e “DJs Católicos”, motivou o estudante do 4º período do Curso de Jornalismo da Puc Rio, que é estagiário da equipe do Muticom, Renato Francisco.

O Secretário Executivo do Muticom Rio, Paulo Lima, também destacou as oficinas que serão direcionadas para as secretárias, com o objetivo de melhorar a comunicação paroquial e otimizar o trabalho das secretárias.

- É muito importante que as secretárias participem dessa oficina, porque elas são a porta de entrada da Igreja. Diante da vida corrida e repleta de compromissos dos padres, o trabalho das secretárias poderá ser ainda mais dinâmico com a inclusão das ferramentas digitais, incentivou Paulo.

Lembrando da regra de São Bento, que ensina a “orar e trabalhar”, toda a equipe do Muticom se prepara para esse grande evento, contando com a graça de Deus e com a intercessão de toda a Igreja.

- Contamos com a intercessão de Nossa Senhora e pedimos também a oração de todos os “pasconeiros” para que possamos atingir o nosso alvo, que é buscar uma comunicação mais ética e cristã, propagando os valores do Evangelho, onde está a verdade, de forma a ampliar a comunicação da Igreja e agradar, acima de tudo, a Deus, pediu Paulo.


As inscrições ainda estão sendo feitas

As inscrições, que já tiveram prazo esgotado pelo site do Muticom, ainda podem ser realizadas até a próxima sexta-feira, dia 15, na sede do Vicariato para a Comunicação Social (Vicom), no Edifício João Paulo II, na Glória, das 9h às 18h. No dia do evento também será possível se inscrever diretamente na Puc-Rio, na Gávea.

Os certificados de participação das oficinas serão fornecidos pela Universidade Católica. Segundo a organização do Mutirão, embora possam acontecer inscrições de última hora, é importante esclarecer que as mesmas dependem do número de vagas restantes e que algumas oficinas já estão lotadas. Outras informações pelos telefones (21) 2292-3132 R. 224 / 7520-6296 ou pelo site www.muticom.com .

O Edifício João Paulo II fica na Rua Benjamim Constant, 23, na Glória. O Vicom atende no 3º andar.
A Puc-Rio fica à Rua Marquês de São Vicente, 225, na Gávea.

Cláudia Brito

* Colaboração: Nice Affonso

* Fotos: Arquivo Portal da Arquidiocese do Rio de Janeiro

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Promoção da CNBB levará jovem de graça à JMJ Madri

A Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) está promovendo um concurso cultural de vídeos e o vencedor vai ganhar uma passagem ida e volta para Madri e a inscrição na JMJ.

Para participar, o jovem deve produzir um vídeo de até dois minutos de duração respondendo à pergunta: “Para você, o que é ser um Jovem Conectado?”. Em seguida, ele deverá colocar seu vídeo no YouTube e fazer sua inscrição no endereço eletrônico http://www.jovensconectados.org.br/promocaojmj , informando o link do vídeo.

As inscrições no concurso podem ser feitas até o dia 25 de julho e o resultado será divulgado no dia 28. Podem participar da promoção todos os jovens com idade entre 18 e 30 anos.

O regulamento completo pode ser lido na página oficial da Comissão para a Juventude: www.jovensconectados.org.br .

O vencedor ou a vencedora do concurso terá a oportunidade de se juntar aos mais de 13 mil jovens brasileiros que já estão inscritos na Jornada Mundial da Juventude, o maior evento católico do mundo. Entre os dias 16 e 21 de agosto, pessoas de todo o planeta se encontrarão, em Madri, com o Papa Bento XVI e viverão dias de oração, peregrinação e festa.

*Fonte: www.arquidiocese.org.br

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Votação do ensino religioso será em agosto

Foi adiada para o mês de agosto a votação do Projeto de Lei 862, de 01/04/2011, do prefeito Eduardo Paes, para a contratação de 600 professores de Ensino Religioso para as 1063 escolas públicas do município. O vereador Reimont Luiz Otoni (PT) lamentou o adiamento da votação que deveria ter acontecido no dia 5 de julho, durante a sessão extraordinária, na Câmara dos Vereadores, no Centro do Rio.

- Poderíamos já estar com o PL aprovado, mas nós temos dentro da Câmara pessoas que não aderem ao projeto. E também tivemos um impedimento, já que o projeto não poderia entrar na pauta porque algumas emendas careciam de tempo para o parecer das comissões. Em função disso, o presidente e a mesa diretora fizeram valer o regimento e determinaram o adiamento, afirmou Reimont.

Segundo o vereador, tudo será acertado para que o projeto seja aprovado e sancionado pelo prefeito no mês de agosto, para que a Secretaria Municipal de Educação garanta a aplicabilidade da lei no início de 2012.

- Em agosto, eu gostaria de ver, na galeria da Câmara Municipal, pessoas das diversas religiões que são favoráveis ao Projeto: católicos, evangélicos e demais religiões, para pressionar e fazer com que o projeto não seja mais adiado. Eu tenho muita confiança e esperança de que a aprovação vai acontecer. Precisamos aprender com as dificuldades e ver os problemas pela ótica positiva. Já que aconteceu a demora, precisamos agora acertar todas as arestas, ou seja, fazer uma “limonada com o limão” que recebemos, incentivou o vereador.

Ensino religioso favorece a paz

O tema do Ensino Religioso já está previsto no artigo 210 da Constituição Federal e também no artigo 33 da lei 9394 das Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Para o Bispo Auxiliar da Arquidiocese do Rio e animador do Ensino Religioso nas escolas, Dom Nelson Francelino Ferreira, a dimensão religiosa no processo de crescimento e de evolução é fundamental para o desenvolvimento da pessoa e, por isso, não pode deixar de ser contemplada pelo Estado.

- O Brasil é eminentemente religioso. Nossa história e tradição não podem ser renegadas e rejeitadas. Queremos um ensino religioso confessional e plural. O pluralismo religioso é uma riqueza em nosso país, e por isso temos que nos envolver contra todo tipo de discriminação. É importante salientar que a religião traz consigo contribuições extraordinárias para a cultura de vida e solidariedade e, sobretudo, abre horizontes para sair do pessimismo da história e entrar na perspectiva da esperança e da possibilidade. É preciso evitar o proselitismo religioso. O que queremos e desejamos é produzir uma cultura de paz, destacou.

Saiba mais:

O PL que trata do Ensino Religioso cria no quadro permanente do Poder Executivo do Município do Rio a categoria funcional de professor de ensino religioso. Os professores, que deverão ter licenciatura plena em sociologia, filosofia ou história, também serão habilitados pelas instituições religiosas. O PL pretende atender à demanda dos alunos das diversas religiões existentes e será facultativo, para permitir que os pais e responsáveis pelos estudantes do ensino fundamental da rede pública municipal possam decidir se desejam que seus filhos tenham aula de religião no credo de sua confissão pessoal.

Para que aconteça a aplicação do Ensino Religioso é preciso colocar novamente o projeto em regime de urgência na Câmara (para diminuir o prazo das emendas nas comissões), colher os pareceres, trazer para o debate no plenário, aprovar e sancionar o projeto, para aplicar a lei.

Cláudia Brito
*Fonte: www.arquidiocese.org.br

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Bíblias serão obrigatórias nas bibliotecas

As bibliotecas estaduais do Rio terão de disponibilizar exemplares da Bíblia. É o que determina a lei 5.998/11, publicada no Diário Oficial desta segunda-feira, 4 de julho, e de autoria do deputado Edson Albertassi (PMDB). A nova regra determina multa de mil a duas mil Ufirs às bibliotecas que não a respeitarem.

- A bíblia foi o primeiro livro a ser feito e é o mais editado de todos os tempos. É justo que esta obra literária e popular seja disponibilizada nas bibliotecas públicas”, avaliou o Padre Alex Siqueira, assessor eclesiástico do Portal da Arquidiocese.

Para o autor da lei, o texto não tem a intenção de estabelecer qualquer obrigatoriedade ou constrangimento aqueles que vivem sua espiritualidade em comunidades não cristãs.

- O que se pretende é garantir o acesso à Bíblia a todos que desejarem, afirmou o deputado.


Cláudia Brito

*Fontes:
www.arquidiocese.org.br
Site Alerj

Comissão Jovem: projetos e preparativos para a JMJ 2011

Nos dias 29 e 30 de junho, um encontro entre os responsáveis pela juventude, dos 17 Regionais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), com a presidência da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, foi realizado na sede nacional das Pontifícias Obras Missionárias (POM), em Brasília.

O encontro contou com a participação de 20 pessoas, entre elas o presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, Dom Eduardo Pinheiro e os Assessores da Comissão, Padre Carlos Sávio e Padre Antônio Ramos do Prado.

Em pauta na reunião, além dos preparativos para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que acontecerá entre dos dias 16 e 21 de agosto, em Madri, foram discutidos também os verdadeiros significados de uma Jornada Mundial da Juventude e de uma Jornada Diocesana.

O presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, Dom Eduardo Pinheiro, frisou a importância de a Igreja no Brasil criar a cultura da vivência da Jornada e explorou o conteúdo do Documento 85 da CNBB, “Evangelização da Juventude”.

Após o encerramento das inscrições para o evento, o Brasil conta com 13 mil jovens inscritos. Já se sabe também que cerca de 61 bispos e 56 padres da Comissão para a Juventude estarão no Encontro Mundial da Juventude com o Papa. A delegação oficial da CNBB tem cerca de 500 inscritos.

Comissão para a Juventude também nomeia Coordenação Nacional de Jovens

Também durante o encontro realizado nos dias 29 e 30 de junho, dez jovens representantes das pastorais, movimentos, comunidades e congregações que atuam na evangelização juvenil foram escolhidos pela Comissão Episcopal Pastoral da Juventude da CNBB para integrar a Coordenação Nacional de Jovens.

— No encontro com os Bispos Referenciais, realizado em março, após uma longa reflexão e partilha sobre a realidade da juventude nos 17 regionais da CNBB, chegou-se à conclusão da importância de termos uma equipe de Jovens que represente a pluralidade de expressões de trabalho juvenil eclesial em nosso país. Essa coordenação nacional será a referência principal para a pastoral juvenil na Igreja do Brasil e nos representará nas instâncias internacionais, principalmente no CELAM e no Pontifício Conselho para os Leigos. Ela está sendo composta pelos quatro jovens secretários das Pastorais da Juventude, por dois jovens de Movimentos Eclesiais, por dois jovens de Novas Comunidades e por dois jovens ligados às Congregações que possuem este carisma. E a sua organização e seu acompanhamento estarão sob a responsabilidade direta dos Assessores Nacionais, Padre Carlos Sávio e Padre Toninho, afirmaram em nota oficial, o presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, Dom Eduardo Pinheiro e os Assessores da Comissão, Padre Carlos Sávio e Padre Antônio Ramos do Prado.

Para este primeiro grupo foram chamados os seguintes jovens:

· das Novas Comunidades: Diogo Victor Rocha (Shalom) e Adriano Gonçalves (Canção Nova)
· das Congregações Religiosas: Alex Bastos (Franciscanos) e Félix Fernando Siriani (Salesianos)
· das Pastorais da Juventude: Francisco Antonio Crisóstomo de Oliveira (PJ), Monique Cavalcante Benevent (PJE), Eric Souza Moura (PJMP), Josiel Ferreira (PJR)
· dos Movimentos Eclesiais: Renato Conte Rocha (ENS) e Lisiane Griebeler (RCC)

Segundo a Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, a Coordenação Nacional terá a responsabilidade de garantir o protagonismo juvenil na organização nacional, e o espírito de unidade das diversas expressões de juventude do Brasil. Detalhes da identidade e missão dessa coordenação serão posteriormente delineados. A articulação e as consequentes despesas serão por conta da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude.

De acordo com o secretário nacional da Pontifícia Obra da Propagação da Fé e Juventude Missionária, Padre Marcelo Gualberto, que também participou do encontro na sede das POM, a Juventude Missionária, como expressão juvenil, também está inserida na Comissão para a Juventude, com o objetivo de articular os trabalhos que contemplem, de fato, a juventude brasileira.

— A JM está disposta a contribuir para que a Comissão da Juventude possa se tornar um verdadeiro espaço de partilha de carismas e identidade, com o objetivo de sempre levar Jesus aos jovens, afirmou o secretário.

* Fonte e foto: CNBB

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Em contagem regressiva: Papa acompanha preparação da JMJ

Na última terça-feira, dia 28 de junho, o Cardeal Antonio María Rouco Varela, Arcebispo da capital espanhola, afirmou que o Papa Bento XVI está bem informado e acompanha os trabalhos de preparação da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que acontecerá entre os dias 16 e 21 de agosto, em Madri.

Faltando pouco menos de 50 dias para o início do evento, o diretor executivo da JMJ em Madri, Yago de la Cierva, apresentou o programa da jornada que contará com a participação de mais de um milhão de pessoas.

— Sabemos que o Santo Padre perguntou se em Madri faz muito calor, e tem muita esperança nos resultados do evento, revelou Yago.

Pela primeira vez na história da JMJ o Papa confessará alguns jovens. As confissões com Bento XVI será realizada nos jardins do Buen Retiro de Madri.

— Cada JMJ é uma grande semeadura evangélica. Um evento colocado sob a intercessão dos santos padroeiros da JMJ, de maneira especial de João Paulo II, que, com o título de beato, volta a encontrar-se com os jovens, a quem amou tanto, ressaltou o Cardeal Stanisław Ryłko.

Segundo o Cardeal, já se inscreveram formalmente mais de 400 mil jovens, número nunca alcançado em outras JMJ. Além disso, 14 mil sacerdotes, 744 bispos, dos quais 263 dirigirão as catequeses aos jovens, em 250 lugares, e em 30 idiomas diferentes. Stanisław Ryłko confirmou ainda que serão entregues 700 mil cópias, em 6 idiomas, do YouCat, um catecismo em forma de perguntas e respostas, pensando particularmente nos jovens. Também estão comprometidos em diversos serviços no evento 24 mil voluntários, provenientes de vários países.

* Fonte: ZENIT

Siga-nos!!!