segunda-feira, 4 de novembro de 2013

DNJ 2013: "Jovem: levante-se, seja fermento"

Aproximadamente três mil jovens dos sete vicariatos, Norte, Sul, Oeste, Leopoldina, Jacarepaguá, Urbano e Suburbano, se reuniram na Catedral Metropolitana do Rio de Janeiro, das 9h às 18h para celebrar o DNJ 2013, Dia Nacional da Juventude, que teve como tema Juventude e Missão. Não faltou animação durante todo o dia, tanto por parte dos jovens, quanto da equipe voluntária que trabalhou para tornar possível o evento. 

Esse ano teve uma novidade: a Caminhada Juventude Quer Viver, promovida pela pastoral da Juventude do Rio, seguindo da Candelária até a Catedral. Dividida em três momentos, ela estava agendada para o mesmo dia, só que às 8h, com a concentração às 07h30 (primeiro ato). A parada em plena Carioca, Centro do RJ, marcou o segundo ato, onde os jovens rezaram o Pai Nosso e fizeram suas orações espontâneas. O último foi em frente a Catedral: uma ciranda foi formada, com direito a dança, música e sujeira nas mãos com tintas vermelha. O propósito foi protestar contra o extermínio do jovens. O grupo caminhou até o DNJ com faixas e cartazes. 

A banda Torre de Davi, da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, Vila Isabel, fez a animação na abertura do DNJ, às 9 horas. Para afastar a preguiça e o sono da manhã, o vocalista Pedro fez muito barulho e pôs os jovens para pular. Em seguida teve início da Santa Missa, às 10h, celebrada pelo Bispo Dom Orani. 

“Em Cristo é possível construir uma nova sociedade. É Nele que está nossa felicidade, amor e salvação. Deus quer nosso “Sim”, para que possamos ser testemunhas para o mundo. Que Desde já possamos viver uma vida de santidade,” foi o recado de Dom Orani aos jovens durante sua Homilia.

A Feira Missionária desse ano trouxe novamente diversos estandes para divulgar os diferentes e ricos trabalhos das comunidades, movimentos e pastorais jovens da cidade do Rio. Juventude de Ação Mariana (JAM), Pastoral dos Esportes, Editora Paulinas, Pastoral da Juventude, são exemplos de alguns grupos jovens que montaram estandes e levaram seus projetos para divulgação.

Após o almoço, o DNJ 2013 seguiu com muita oração, confissão, música, animação e testemunhos. À tarde, a pregação ficou com Diogo Rocha, da Comunidade Shalom, que emocionou muitos jovens. Após, embalados pela bela voz de Olívia Ferreira, iniciou-se a Adoração ao Santíssimo, momento de muita entrega, oração, emoção e até mesmo de conversão.

“Tenho sede da tua graça, cada dia mais, sou mais forte e vou mais longe quando aqui estás. Com palavras de amor te adoro, Senhor! Hoje livre sou” Cantou Olivia Ferreira durante adoração no DNJ 2013. 

A Comunidade Aliança de Misericórdia apresentou uma divertida peça de teatro com palhaços, mágico, robô e cantoras, após a Adoração. Eles transmitiram a mensagem de que todos nós temos uma missão a ser cumprida, mas, é preciso entregar e confiar nossas vidas em Deus para que possamos cumpri-la. E deixou a pergunta para reflexão pessoal: se Ele te chamasse hoje para deixar a vida na Terra, você já teria cumprido a sua missão?

A tão esperada e desejada, a banda Frutos de Medjugorje subiu fechou o evento com muito estilo: pôs todos na Catedral para, literalmente, sacudir o copo, pular, dançar e até correr. Após a animação, os jovens voltaram a ser questionados sobre sua missão, sobre o que eles acham que é ser santo ou pecador e sobre o que esperam fazer com sua juventude. Os ânimos mais calmos, a banda finalizou o dia em oração, com uma Ave Maria. 


História DNJ
“Juventude e missão” e o lema “Jovem: levante-se, seja fermento!”. E para a iluminação do tema a passagem bíblica: “Quanto a você, arregace as suas mangas, levanta-se e diga a eles tudo que eu mandar. Não tenha medo.” (Jr 1,17b).

No ano de 1985, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) escolheu o quarto domingo do mês de outubro para celebrar o Dia Nacional da Juventude. As pastorais da juventude eram as únicas expressões de juventude organizadas nacionalmente. Dessa forma, a CNBB confiou-lhes o protagonismo dessa celebração.

Em 1986 aconteceu o primeiro DNJ e atualmente, este dia é celebrado no último domingo de outubro, sendo que as comemorações podem ser realizadas em outras datas. O DNJ é um evento realizado anualmente, e este dia é marcado por mobilizações de milhares de jovens em todo o país, para celebrar, como Igreja, a vida da juventude.

A cada ano o DNJ é norteado por um tema escolhido pelos membros da Coordenação Nacional de Pastoral Juvenil, formada por jovens de pastorais, movimentos, congregações e novas comunidades que atuam com a juventude. Para 2013 foi apresentado o tema “Juventude e missão” e o lema “Jovem: levante-se, seja fermento!”.
Nas últimas décadas cresceu visivelmente o número e pluralidade de grupos, movimentos e novas comunidades que organizam-se nacionalmente em prol da evangelização dos jovens. Assim, a partir do ano de 2011, com a criação de uma Coordenação Nacional de Jovens, o DNJ passa a ser organizado por elas.

Texto: Railane Louven
Fotos: Teias de Comunicação   












Veja mais fotos em:
https://www.facebook.com/pjuventuderio/photos_albums

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga-nos!!!