quarta-feira, 28 de março de 2012

ComPJ: Formação em preparação para JDJ



Segundo o subsídio lançado no último dia 27 de março, a Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) apresenta como temas de reflexão: ‘O jovem e Jesus Cristo’, ‘O jovem e a igreja’ e ‘Jovens e sociedade’  Nós enquanto Pastoral da Juventude somos convidados a mergulhar profundamente nesta abordagem. Por isso, durante estes três dias (28,29 e 30/03) que antecedem a JDJ faremos um breve momento de formação e aprofundamento em nossas mídias sociais.


Formação: 1º Dia em preparação para JDJ

Tema: O jovem e Jesus Cristo (Mt 13, 44-47)

“CHEIO DE ALEGRIA, ELE VAI, VENDE TODOS OS SEUS BENS E
COMPRA AQUELE CAMPO” (Mt 13,44)

Este tema nos convida a fazer uma reflexão sobre nós mesmos e sobre a pessoa de Jesus Cristo em nossas vidas. Será que temos uma relação de amizade, companheirismo e de verdadeiro amor com Jesus? Quando se está apaixonado aquele que ama só pensa na pessoa amada e só sabe falar de sua(seu) amada(o). Mas, será que somos jovens apaixonados pela pessoa de Jesus? E se nossa resposta é sim, porque então, que pouco falamos de Jesus para as pessoas ao nosso redor? Ou ainda porque andamos amargurados, desanimados, cabisbaixos e sem brilho no olhar como se vivêssemos em um constante desequilíbrio de amoroso? O amor é contagiante, “alegrai-vos sempre no Senhor”(Fl4,4), nós jovens cristãos somos convidados a depositar toda a nossa alegria em Jesus Cristo, já dizia o beato João Paulo II, idealizador das Jornadas Mundiais da Juventude: “O principal objetivo das Jornadas é fazer a pessoa de Jesus o centro da fé e da vida de cada jovem para que Ele possa ser seu ponto de referência constante e também a inspiração para cada iniciativa e compromisso para a educação das novas gerações.” (Carta de João Paulo II ao Cardeal Eduardo Francisco Pironio na ocasião do Seminário sobre as Jornadas Mundiais da Juventude, organizado em Czestochowa, Polônia). A nossa alegria deve ser inspiração para outros jovens, é preciso que tomemos a consciência de que Jesus é o nosso tesouro precioso, nos reconhecendo dependentes, e com isso, depositar nossas esperanças e anseios na pessoa de Jesus Cristo, lançando-se em seus braços. “Irmãos e Irmãs: não tenhais medo de acolher Cristo e de aceitar o Seu poder! Não, não tenhais medo! Antes, procurai abrir, melhor, escancarar as portas a Cristo!” Já ressaltava o Papa João Paulo II em sua homilia no início do seu pontificado, a 22 de outubro de 1978. Creio que muitos de nós jovens ainda não havíamos nascido, mas com certeza esta já era a mensagem de Deus para nós no dia de hoje. Contudo somos convidados não apenas a refletir o tema “O Jovem e Jesus Cristo” como se fosse algo distinto e paralelo, mas a assumir em nossas vidas a realidade de “Jovem em Jesus Cristo” reconhecendo Nele o verdadeiro sentido da alegria de nossa existência.

Texto: Aline Barsan

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga-nos!!!